Search results for e.o

We've found 4,117 lyrics, 0 artists, and 0 albums matching e.o:

A última valsa 
Me alça 
No astral 

A espiral é de fumaça 
E o pensamento é de cristal
não olhe pra trás 
Olhe por onde anda 
Faça o que o coração manda 
Diga como é que se sente 
Levante-se siga em frente 
Faça o que está fazendo
É o pau, é a pedra, é o fim do caminho
É um resto de toco, é um pouco sozinho
É um caco de vidro, é a vida, é o sol
É a noite, é a morte, é um
Ondulado e permanente 
Teu cabelo é de sereia 
E a pergunta que não sai da mente 
Qual é o pente que te penteia 
Quando tu entra na roda 
O teu
É o pau, é a pedra, é o fim do caminho
É um resto de toco, é um pouco sozinho
É um caco de vidro, é a vida, é o sol
É a noite, é a morte, é um
Sem você
Sem amor
É tudo sofrimento
Pois você 
É o amor
Que eu sempre procurei em vão
Você é o que resiste
Ao desespero
E à solidão
Nada
Cá fhad é ó 
Cá fhad é ó 
Siúl tríd na stoirmeacha. 
Dul tríd na stoirmeacha. 
Cá fhad é ó 
an tús don stoirm. 
Cá fhad é ó 
an tús go
Hoje é o dia do Santo Reis
Anda meio esquecido
Mas é o dia da festa do Santo Reis
Hoje é o dia do Santo Reis
Anda meio esquecido
Mas é o dia da
É o pau, é a pedra, é o fim do caminho
É um resto de toco, é um pouco sozinho
É um caco de vidro, é a vida, é o sol
É a noite, é a morte, é um
É o pau, é a pedra, é o fim do caminho
É um resto de toco, é um pouco sozinho
É um caco de vidro, é a vida, é o sol
É a noite, é a morte, é um
Que não é o que não pode ser que
Não é o que não pode
Ser que não é
O que não pode ser que não
É o que não
Pode ser
Que não é
O que não pode
Nada de mais
Velhos sinais
Sobre a paisagem

Planos gerais
Rastros atrás
E avante, a estrada

Mas pra sacudir levante
Mais puro é o amor
culpa, meu degredo
Pão seco de cada dia
Tropical melancolia
Negra solidão

Aqui é o fim do mundo
Aqui é o fim do mundo
Aqui é o fim do mundo
amor da colombina
E na esquina se mata a beber pra esquecer, pra esquecer

E o Pierrot só queria amar
E dar um basta a esta dor já sem fim
Mas colombina
e ainda assim farto
Estou triste tão triste
E o lugar mais frio do rio é o meu quarto
Estou triste tão triste
Estou muito triste
Por que será que
Ela é minha menina
E eu sou o menino dela
Ela é o meu amor
E eu sou o amor todinho dela

A lua prateada se escondeu
E o sol dourado apareceu
Hei Menina

Dia dia diaaaaaa, hei hei vem menina
Dia dia diaaaaaa, vem menina... 

Hei minina, hei minina
Ele é o o sul da mina (4x)

Dia dia
Hoje é o primeiro dia
Do resto da sua vida
E da minha também

E então
Sente no meu colo
Mas ligados no mesmo destino
Um amor feito eu e você

O céu e o mar
A lua e a estrela
O branco e o preto
Tudo se completa de algum jeito
Homem e
When trouble sleep
Yanga go wake am
Waking him dey find 
Palaver, he dey find 
Palaver, he go get-e o) 
Palaver, he go get 
Palaver 

When
burst your mind and cracks your bones

V E N O M
V E N O M
V E N O M
V E N O M, yeah

This is our hell and that's the way we live
Your eyes transfixed by
Ondulado e permanente 
Teu cabelo é de sereia 
E a pergunta que não sai da mente 
Qual é o pente que te penteia 
Quando tu entra na roda 
O teu
Quem foi que me deixou
No limite do amor
Entre o lar e a morada
Eu estou entre o adeus
E a contrapartida

No meio do fio
Na corda bamba, é o
todo esse aroma
De beleza que é o amor

Perfumando a natureza
Numa forma de mulher
Porque tão linda assim não existe a flor
Nem mesmo a cor não existe

E